Saúde Sistêmica

A saúde do profissional da saúde

Faça o download gratuito do e-book "A Saúde dos profissionais da Saúde"





Depoimentos

Dr. Augusto Poeta, Médico Ginecologista em Florianópolis

Como feedback, eu posso dizer que foi um trabalho muito intenso. Me senti muito tocado em vários momentos e tenho certeza para melhor. Vários pontos do nosso trabalho como prestador de serviço em saúde, assim como da minha vida pessoal e familiar foram colocados em check, e posso dizer que pude me conhecer e melhorar graças isso.

Sou grato a toda equipe e espero poder participar de mais encontros.
Grande abraço.

Vera Bosco, Dentista e Docente da UFSC

Embora não esteja mais em atuação direta na área saúde, considerei muito pertinente o trabalho realizado. Principalmente porque me veio a percepção de ainda ser parte integrante da área. Vou modificar meu discurso . Não sou ex… Ainda e sempre serei uma Cirurgião-Dentista e Professora de Odontologia, mesmo estando aposentada.

Gostaria de ter participado de um trabalho como o realizado quando ainda atuava como profissional. Acredito que teria sido muito mais fácil a caminhada.
Achei muito interessantes os exercício desenvolvidos e constatei a força e relevância dos mesmos nos profissionais com quem tive a oportunidade de partilhá-los. Foi um dia realmente produtivo, comovente e sanador!

Abraços.

Dra.Lauren Provin, Médica de Cuidados Paliativos HU-UFSC

Bom dia!

O workshop foi uma grata surpresa! Certamente teve muito efeito na vida profissional e pessoal, mas ficou o gosto de quero mais por ter despertado questionamentos.

Houve a sensação da introdução bem feita, do apaixonamento e agora a vontade de aprofundar o relacionamento com o assunto. As vezes a gente acredita em muitas coisas que não consegue necessariamente tornar práticas, levar pro dia a dia e para os relacionamentos (quais forem). E essa foi a minha sensação! É nisso que eu acredito, nesse amor que pode permear absolutamente qualquer relação: família, amigos, pares, pacientes!
Falta amadurecê-la ao ponto de fazê-la prática diária.

Obrigada!

Rita Sandoval, Enfermeira HU-UFSC

A participação no Workshop foi muito especial.
Abrimos nossos corações e vocês realizaram vivências muito ricas.
Todas as oportunidades foram aproveitadas.
Podíamos nos colocar no lugar de nossos colegas e aprender com suas vivências.
A emoção estava solta, livre de amarras.
Reconhecer e reverenciar nossos ancestrais em nós mesmos, muda a vida. Respeito aos meus país. Fazer parte, não estando sozinha, refletir sobre as ações e atitudes. Dar e receber de forma equilibrada.
O ego não existia. Livres para falar, escutar e sentir com toda intensidade.
Foi lindo, melhor experiência multiprofissional da minha vida! Merecemos e precisamos desta oficina, continuem…
Aprendi muito e quero participar em outras oportunidades.
Senti a falta da Wilma. Adorei suas colocações.
O Andrei me fez ver que tenho limites. A vivência também mostrou isso.
A oficina abriu novas portas, menos críticas, mais amor em todos meus relacionamentos. Mais leveza na vida.
Abraço fraterno a todos!

Dr. Fabiano Valério, Médico Psiquiatra em Florianópolis

Boa tarde meus caros Décio, Wilma, Andrei e Armanda!

Foi uma experiência muito proveitosa para mim. Pude perceber claramente algumas mudanças que eu deveria fazer para que sentimentos de sobrecarga relacionados ao dia-a-dia de trabalho desaparecessem. Os conceitos expostos somados às práticas realizadas permitiram que eu vivenciasse ótimos insights sobre mudanças de posturas necessárias, que pude colocar em prática a partir do dia seguinte. Além disso, as vivências e os conhecimentos adquiridos foram de grande proveito para o manejo de pacientes na minha prática.

Muito obrigado pela oportunidade!! Tenho certeza que o treinamento em constelação familiar com este time será muito rico!

Um grande abraço,

Zaira Custódio, Psicóloga HU-UFSC

Prezados Décio, Wilma, Andrei e Armanda!

Foi extremamente rico participar do Workshop de Saúde Sistêmica, pois além das trocas de experiências e percepções entre os integrantes do grupo foi fundamental a vivência dos exercícios propostos. O workshop basicamente tocou e ajudou a refletir sobre minha postura profissional e nos relacionamentos de modo geral. Ou seja, reforçou e problematizou o que há um tempo já vinha refletindo acerca do como estou fazendo minha prática profissional.

Profissionalmente e na vida pessoal assumia uma postura de atender e prestar ajuda às pessoas de forma quase irrestrita, trabalhando muito e dedicando muitas horas de minha vida. Logicamente que ao longo do tempo recebi vários sinais no corpo, no afeto e na mente de que este não era a melhor forma de lidar com minhas relações pessoais e de trabalho.

Perceber que não podemos dar conta de todos os processos ao mesmo tempo em que nos expõe a uma ferida narcísica e a lidar com esta frustração, nos oportuniza um grande e difícil aprendizado, o de aceitar a vida como ela é, de que estamos num grande sistema que envolve diversos níveis, contextos e papéis sociais, históricos e familiares.

A experiência do workshop reforçou e muito esta concepção, este lugar de que “eu sou só um profissional de saúde” e que posso fazer apenas a minha parte, o meu melhor possível com toda boa intenção e amor. O exercício “experimentar o sacrifício”, foi fundamental neste sentido, pois mobilizou muito aquilo que devemos reconhecer como sendo de nossa competência e ao mesmo tempo o que é da competência do outro. Sobretudo, acreditar na força que o outro carrega em toda sua história pregressa, e por meio da força de todos que o antecederam.

Este workshop, em sua programação, além de ter desencadeado afetivamente, um apelo pela saúde e bem estar de quem cuida, possibilitou também um nostálgico reencontro com àqueles que nos são caros – nossos pais, nossa história familiar – e com a força que vem da nossa raiz. Isso foi muito bom!!!

Dr. Danton S. Correa, Médico Gastro-Cirurgião Oncológico e Docente da UFSC

Olá Décio, Wilma, Andrei e Armanda,

Gostei muito de ter participado do Workshop. Quando fui, não sabia bem do que se tratava. Acho que foi melhor assim, pois a surpresa teve o seu efeito positivo. O conceito de como as relações acontecem dentro de um sistema não era novo para mim, porém nunca havia analisado esse conceito do ponto de vista pessoal. Gosto muito de ler, mas percebi claramente que a simples leitura do conteúdo apresentado sem a realização dos exercícios ficaria longe de trazer o mesmo grau de compreensão.

Eu fui esperando ouvir coisas que me ajudassem a melhorar minha relação médico-paciente e a maneira de encarar meu trabalho, mas foi muito além disso. A forma como o relacionamento com nossos pais afeta todas as outras dimensões da nossa vida nunca ficou tão clara para mim ( e como eu tinha coisas mal-resolvidas neste sentido). A casca, no entanto, é dura de quebrar. Do ponto de vista prático senti melhora não só no consultório, mas principalmente em casa. É difícil descrever a experiência, acho que cada um experimenta de maneira diferente. O que posso dizer é que foi um dia muito produtivo onde tive vários “insights” a respeito de muitas situações na minha vida e obtive ferramentas para melhor lidar com elas. Fiquei muito motivado a aprender mais.

Como a programação do workshop já é intensa, é difícil sugerir algo a ser acrescentado a um dia já com tanta informação. A relação entre médico e paciente ou entre familiar e paciente que está com doença grave e sabe que vai morrer em breve é um tema que julgo pertinente mas não sei se teria tempo (A mortalidade é assunto complexo…).

Finalizando, eu só posso agradecer pelo ótimo dia e fortemente recomendar o Workshop( como já tenho feito) a quem quer se conhecer melhor e entender melhor sua relação com quem lhe cerca. Um dos efeitos do curso foi a vontade de conversar com pessoas próximas sobre o que vivi para aprofundar a compreensão que tive. Acho que a “ficha” não caiu para mim imediatamente, pensei e tenho pensado nos ensinamentos e no que senti durante os exercícios diariamente desde que acabou o curso.

Um forte abraço a todos. Obrigado mais uma vez. Espero nos vermos novamente em breve.